Amaury Jr.
Amaury Jr. (Divulgação)

Nesta semana, Band e Amaury Jr. anunciaram o fim da mais recente parceria, que durou um ano. O Programa Amaury Jr., que era exibido aos sábados e cotado para a programação diária, sai do ar. Com isso, apenas Cátia Fonseca, com seu Melhor da Tarde, sobreviveu à onda de extinções que atingiu os programas lançados no ano passado. Ou seja, em 2019, a Band terá o desafio de mostrar que ainda tem relevância.

Agora É Domingo, Vídeo News, Cozinha do Bork, Superpoderosas e Show do Esporte foram os outros programas lançados na mesma leva do Amaury Jr. e Melhor da Tarde. Todos finalizados. O pacote de novidades da emissora veio em meio a anos na mais total inércia, cujo único destaque na grade era o MasterChef. A grade de 2018 veio para tentar convencer o público e os anunciantes que a Band ressurgia das cinzas. Mas a estratégia se mostrou equivocada.

Leia também: Após um ano, Amaury Junior deixa a Band para se dedicar a um novo projeto

Para piorar, a Band não foi feliz na recomposição da grade. Um exemplo é a faixa Verão Animado, que exibe desenhos pela manhã. Criada para ocupar a vaga deixada por Cozinha do Bork e Superpoderosas, a nova atração parecia uma boa ideia. Afinal, o público infantil quase não tem opções na TV aberta. No entanto, o pacote fraco de animações, somado à pouca tradição da emissora no segmento, fizeram a novidade naufragar. Verão Animado deve mesmo ficar no ar apenas até o fim do verão.

Band: jornalismo e esporte

O que se observa nesta série de equívocos da Band é a falta de entendimento sobre qual é o público do canal. Por anos, a Band se fez sob o slogan de “o canal do esporte”. O esporte perdeu espaço no canal, mas o público que gosta deste tipo de conteúdo ainda procura a Band. Basta ver o sucesso de Jogo Aberto e Os Donos da Bola, seus principais esportivos.

Além disso, a Band sempre teve tradição em jornalismo. Outros de seus destaques na audiência são os noticiosos, como o Jornal da Band e o Brasil Urgente. No entanto, o canal quis ampliar seu leque, apostando em programas femininos, infantis e de variedades. Mas não foi feliz na estratégia e não conseguiu atrair tal público. Ou seja, neste momento de crise, fortalecer seus trunfos na grade parece uma estratégia melhor do que tentar buscar algo novo.

Para este ano, a Band ensaia voltar a exibir eventos esportivos. Além disso, deve ampliar o espaço do jornalismo em suas manhãs. Uma estratégia que vai ao encontro de sua vocação enquanto canal de televisão. Pode ser uma saída. O que não pode é ficar como está.

Leia também: Momento Vídeo Show pode dar sobrevida interessante ao extinto vespertino

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Últimos vídeos do Canal no YouTube