Netinho de Paula no Brasil da Gente
Netinho de Paula no Brasil da Gente (Reprodução)

Na tarde de ontem (08), a Band exibiu novamente o Brasil da Gente e o Agora É Domingo. As duas atrações foram criadas para suprir a ausência do Agora É com Datena, suspenso em razão do afastamento de José Luiz Datena. Mas, por pouco, a dobradinha de Netinho de Paula e Joel Datena não teve direito a uma segunda edição. Na semana que passou, a Band suspendeu o Brasil da Gente, mas o retomou logo em seguida. Esta instabilidade prejudica a imagem do canal.

Já é ruim para a Band ter tido que abrir mão do Agora É com Datena quando o dominical ainda estava em fase de implantação. Mas, sem Datena, não havia muito o que fazer. Numa solução apressada, o canal escalou Netinho de Paula e Joel Datena para cobrir o buraco. Mas os resultados de audiência foram parcos e, em meados da semana passada, a Band anunciou que Brasil da Gente não seria mais exibido. Deste modo, Agora É Domingo passaria a ocupar a faixa toda. Especula-se que a mudança se deu porque José Luiz Datena ameaçou desistir da política e retomar o programa. Mas isso não aconteceu. Assim, a Band acabou anunciando o retorno do Brasil da Gente, que foi exibido normalmente ontem.

Leia também: Band volta atrás e coloca programa de Netinho de Paula de novo na programação


Trata-se de um cenário que não ajuda a Band neste momento em que a emissora passa por mudanças. Chegou-se ao ponto de o público não saber mais o que encontrar quando ligar a TV no canal nas tardes de domingo. Claro, a culpa não é do canal. São as circunstâncias que não ajudaram neste processo. Mas, mesmo assim, toda esta instabilidade prejudica a imagem do canal. Como convencer o público a ligar no canal assim? Pior: como convencer anunciantes a investir? Espera-se, ao menos, que a partir de agora, as mudanças cessem.

Brasil da Gente e Agora É Domingo precisam de ajustes

Assim que os domingos da Band se estabilizarem, o canal deve estudar suas duas novas atrações para promover mudanças. Brasil da Gente segue com o mesmo problema do Agora É com Datena: pouco conteúdo para tanto tempo. Mesmo não tendo as mesmas seis horas do programa anterior, o programa de Netinho ainda é muito refém de números musicais, o que o torna cansativo. O apresentador tem um histórico de comandar “quadros de emoção”, e poderia retomar tal expediente.

Já o Agora É Domingo carece de investimentos. O jornalístico de Joel Datena ainda está refém de material pouco quente, passando a impressão de pura enrolação. O apresentador é bom. Falta hard news, temperatura, entrevistas e variedades de assuntos.

Leia também: Renovada, A Praça É Nossa mostra que ainda tem fôlego

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor coloque seu nome aqui