José do Egito
José do Egito (Divulgação)

No último final de semana, a Record reformulou parte de sua grade de programação. A emissora remanejou horários e promoveu estreias no início das tardes de sábado e domingo, além das noites de sábado. “Estreias”, neste caso, é somente um modo de dizer, pois, na prática, a emissora vem fazendo mesmo um vasto reaproveitamento de material.

As mudanças começaram na tarde de sábado, com a substituição da faixa Record Kids por uma edição de fim de semana do Balanço Geral. Sucesso nas tardes de segunda a sexta, o Balanço Geral agora é exibido também aos sábados, com o nome Balanço Geral Especial. Mas de “especial” não tem nada: o novo espaço apenas reedita os “melhores momentos da semana” do quadro A Hora da Venenosa, maior audiência do jornalístico.

À noite, o canal alterou o horário do Programa da Sabrina, que vinha se tornando freguês dos reality shows do SBT exibidos a partir das 20h30 dos sábados. Para empurrar a atração de Sabrina Sato para a faixa das 22 horas, a emissora tratou de tirar do arquivo a minissérie José do Egito, exibida às 20h30. Trata-se, nada menos, da quarta exibição da série bíblica protagonizada por Angelo Paes Leme.

Aos domingos, com o enxugamento do Domingo Show, que perdeu duas horas de duração, a Record lançou a faixa Show de Humor, exibida das 11h às 13h. Dá-lhe mais repeteco: a faixa apenas recicla momentos de programas antigos da emissora, como a Escolinha do Gugu e as “pegadinhas” do Sorria, Você Está na Record.

É bem estranho um dos maiores canais do país dedicar tanto tempo de sua grade de programação com reprises. Até mesmo o SBT, que ignorava os sábados até uns anos atrás, hoje mantém uma programação própria com muitos investimentos. Já a Record, que já incomodou até a Globo com o extinto O Melhor do Brasil aos sábados, hoje tem um final de semana sucateado. A audiência, no geral, até reagiu bem, mas o canal passa a impressão de ser incapaz de investir em programação. É lamentável.

Globo busca mais transparência em atual edição do BBB

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.