Ana Maria Braga
Ana Maria Braga (Divulgação/ TV Globo)

Acompanho a trajetória de Ana Maria Braga desde sua passagem pela Rede Record, onde comandou o Note e Anote, que já ali, mostrava o seu carisma com o público feminino, que engloba a família. Esse público em questão é muito criterioso e honesto. Se não gosta, não gosta. Ana Maria já passou pelo crivo dele. Após sua transferência para a maior emissora desse país, a TV Globo, a loira só se consolidou cada vez mais, como apresentadora e como mulher empreendedora. Seu nome no mercado publicitário sempre está nos cinco primeiros da lista dos clientes-anunciantes.

Leia também: Só Marcos Mion salvou A Casa do fiasco total

Seu Mais Você, prestes a completar 18 anos no ar, é líder de audiência no horário. Mérito de uma produção enxuta e de uma líder como Ana Maria Braga, que tem credibilidade em seu sobrenome. Muitos dirão que a loira teve sorte. Mas não é para qualquer um acordar antes de o galo cantar e sair dos Estúdios Globo quase no fim da tarde. Ela é multifacetada e todo mundo sabe disso.


O intuito desse texto é para dizer que Ana Maria Braga é a rainha de nossas manhãs, e, dificilmente teremos alguém parecido com a estrela apresentando um programa diário. Assim, como Chacrinha foi único, Ana também será, e seu nome já está escrito na história da TV brasileira.

É tão gratificante ver alguém que cresceu na vida com seu esforço, cresceu pela competência e pelo mérito próprio. Ainda mais sendo mulher, em um mundo tão desigual e machista como esse. Ana, obrigado por ser essa mulher de fibra, que só acrescenta ao povo brasileiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor coloque seu nome aqui