Rodrigo Carelli dirige o Dancing Brasil com Xuxa apresentadora e Sergio Marone repórter
Rodrigo Carelli dirige o Dancing Brasil com Xuxa apresentadora e Sergio Marone repórter (Divulgação)

Sempre fui muito fã da Xuxa, mas seu antigo programa na Record TV necessitava de algo. Não encantava o telespectador – algo que a loira sempre fazia na emissora antiga. Faltava um ingrediente fundamental na receita da atração, no caso, uma boa direção. Após a extinção do Xuxa Meneghel, a apresentadora foi contemplada pela emissora paulistana com o formato do exitoso Dancing with the Stars, que no Brasil ganhou o nome de Dancing Brasil. Nessa atração, é claro que estamos vendo a Xuxa do passado, solta e muito bem entregue a atração. Ela está fazendo um programa ao vivo, que está encantado a todos. A atração é sucesso e ponto final. O ingrediente que faltava no produto antigo da loira se chama uma boa direção, nesse quesito, Rodrigo Carelli dá show. Ele sabe como ninguém conduzir uma atração, especialmente um reality show, que é o caso desse programa. Ele entrega ao telespectador tudo o que ele quer ver na TV: encantamento, emoção e entretenimento.

Parei de fumar e quero vencer esse programa pela minha filha”, afirma Maytê Piragibe sobre o Dancing Brasil

Dia desses, saiu uma nota falando que a loira tinha brigado ao vivo com o profissional. Tudo intriga da oposição. Fazer TV ao vivo é assim mesmo. Uma atração do tamanho do Dancing Brasil, requer empenho e administração de tempo, esse, valioso em uma atração televisiva.

Tenho certeza que a atração será sucesso no país inteiro. Xuxa nunca esteve tão encantadora e solta em uma atração. Sem duvida nenhuma, o mérito é do competente Rodrigo Carelli, que sabe liderar como poucos. Poderoso é qualquer um, líder não.

Dancing Brasil coloca Xuxa numa inédita posição de coadjuvante

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Últimos vídeos do Canal no YouTube