Criança Esperança copia Teleton, mas sem Silvio Santos

Criança Esperança 2015

A Globo exibiu na noite de sábado (15) a edição 2015 do Criança Esperança. Celebrando 30 anos, a atração deixou de ser um show exibido na televisão e se tornou um programa de tv, muito semelhante ao Teleton do SBT, a diferença é que a maratona do canal de Silvio Santos dura mais de 24 horas e a da Globo teve cerca de duas horas.

O Criança Esperança que antes acontecia em ginásios como o Ibirapuera e Maracanãzinho, desta vez aconteceu ao vivo de um estúdio da Globo. Contou com uma bancada de artistas da emissora atendendo as ligações dos doadores, apresentações musicais e reportagens sobre as instituições atendidas com os recursos arrecadados pelo Criança Esperança.

As semelhanças com o Teleton foram muitas e nós listamos algumas abaixo:


1 – No Criança Esperança a bancada é com artistas atendendo as ligações. No Teleton a bancada é composta por blogueiros que fazem uma movimentação nas redes sociais.

2 – Reportagens sobre as instituições beneficiadas pelo Criança Esperança. No Teleton as reportagens são sobre as crianças atendidas pela AACD.

3 – Assim como o Teleton, o Criança Esperança aconteceu em um estúdio de televisão, ao vivo e com plateia.

4 – Os artistas da Globo junto com cantores convidados realizaram as apresentações musicais. No Teleton artistas se apresentam no palco do programa.

5 – Assim como no Teleton, o Criança Esperança também teve telão que mostrou a arrecadação em tempo real e também teve metas a serem batidas.

6 – Parte do elenco da Globo se revezou na apresentação do Criança Esperança. No Teleton os artistas do SBT e alguns de outras emissoras se revezam na apresentação.

Estas e outras semelhanças foram percebidas pelo público que se manifestou imediatamente nas redes sociais.

Mas não foi apenas o fato de ser parecido com o Teleton que o Criança Esperança 2015 chamou a atenção. O programa foi muito bem produzido, três palcos foram montados e diversos artistas passaram por eles como: Anitta, Valesca, Ludmilla, Alcione, Mumuzinho, Arlindo Cruz, Talles Roberto, Paula Fernandes e Henrique e Juliano. Mas pecou em diversos momentos, inclusive nas apresentações musicais. Os atores e atrizes da Globo, Otaviano Costa, Leticia Colin, Thiago Martins, Thiago Fragoso e Dudu Azevedo atacaram de cantores e o que se viu foi um show de desafinação, digno de vergonha alheia.

Otaviano Costa foi o único que se salvou, um showman, ele mostrou que além de atuar, apresentar e cantar, também toca piano. O elenco que apresentou o Criança Esperança foi formado basicamente por atores e atrizes. Dira Paes, Lázaro Ramos, Leandra Leal e Flávio Canto, foram muito bem roteirizados, mas faltou neles a pegada de animadores, seguiram à risca o teleprompter e a apresentação do programa ficou mecanizada, nada natural.

Além disso, faltou Silvio Santos, a grande estrela do Teleton do SBT. O Criança Esperança teve seu momento de emoção com Renato Aragão, mas nem se compara com a simpatia e apelo do dono do SBT.

O Criança Esperança conquistou 16 pontos de audiência, com share de 28%, segundo a prévia do Ibope. O programa foi exibido das 22h25 à meia-noite. Nesse mesmo horário, Record e SBT empataram com seis pontos e Band e RedeTV! computaram três pontos.