O que deu errado na carreira de Sérgio Hondjakoff, o Cabeção de Malhação


Quando se fala em Malhação o que nos vêm a cabeça é o personagem Cabeção, que foi interpretado pelo ator Sérgio Hondjakoff. O personagem foi o que mais permaneceu na novelinha, ficou seis anos na história, vários personagens saíam e ele permanecia.

Muitos questionam o motivo pelo qual o ator não deu certo na profissão. Alguns fatores podem ser apontados, Sérgio Hondjakoff não é um ator que tem profundidade em suas interpretações, é apenas natural, e ser natural para um ator é pouco, o mercado de atores de televisão é extremamente concorrido, e se o ator não tem algo a mais para oferecer, além da naturalidade que é o básico da profissão, acaba sendo ofuscado por outros.

Foi o que aconteceu com o intérprete do Cabeção que na verdade é ele mesmo em cena, ou seja, falta preencher seus personagens com composições como o corpo do personagem, fala diferenciada, expressões na face e por aí vai. O ator que é só natural em cena não consegue , ou deixa a desejar , quando vai interpretar uma cena mais complexa.


Em Malhação, Cabeção contracenava com Mau Mau, que era interpretado por Cauã Reimond, que hoje é um dos maiores atores da nova geração da Globo.

O caso de Sérgio Hondjakoff é o mesmo dos atores André Marques, que interpretou o personagem Mocotó em Malhação, sendo outro que é lembrado até hoje por sua longa permanência na história. E Bruno De Lucca que também fez parte do elenco da novelinha no seu início. ambos não deram certo como atores, porém como são carismáticos conseguiram deslanchar suas carreiras como apresentadores.

Na semana passada, Sérgio Hondjakoff voltou a ser notícia ao lançar um clipe como integrante de uma dupla de funk. O hit ganhou muitas visualizações na internet.