Em Família se destaca por diálogos sobre conflitos familiares


Prestes a completar um mês no ar, a novela das 21h da TV Globo, “Em Família”, de autoria de Manoel Carlos, se destaca principalmente pelos diálogos entre os membros da família protagonista.

Nesta quarta-feira, 19, um diálogo entre as irmãs Helena (Júlia Lemmertz) e Clara (Giovanna Antonelli) deu o tom da trama: conversas simples, conselhos e personagens próximas da vida real.

A novela ainda segue em ritmo lento, se comparada à antecessora “Amor à Vida” que teve uma pegada mais intensa desde o começo. A primeira fase de “Em Família”, que começou no dia do batizado da protagonista, levou o espectador à exaustão de detalhes, mas foi importante para entender a fase atual.


Laerte, interpretado por Gabriel Braga Nunes, tem sido o fio condutor da trama, que deve ganhar um ritmo acelerado a partir do momento em que ele reencontrar Helena, sua noiva de 20 anos atrás, por quem ainda nutre uma paixão.

Embora haja falhas visíveis aos olhos do espectador no que diz respeito principalmente à personalidade da protagonista – Helena de Julia Lemmertz pouco lembra a Helena interpretada por Bruna Marquezine na segunda fase – a novela está indo pelo caminho certo e tende a ganhar o público de vez.