Sete anos longe das novelas, Fábio Assunção fala sobre o retorno em Totalmente Demais

Fábio Assunção Arthur Totalmente Demais

Fábio Assunção, que retorna às novelas em Totalmente Demais, no papel do empresário Arthur, revelou para o Observatório da Televisão como está sendo esse retorno ao folhetim, após sete anos longe da dramaturgia da Rede Globo. “Na verdade, eu sempre trabalhei muito. O ‘Tapas’ tinha a rotina dele. O que foi legal no ‘Tapas’, é que todo mundo ali pode fazer projetos paralelos. Durante o período do seriado, eu montei três peças, tenho uma produtora, fiz um filme. Todo mundo do elenco pode ter os seus projetos pessoais. A gente sabe que novela tira muito esse tempo de fazer essas coisas. Mas, eu estou muito integro nessa novela. Estou com muito prazer em fazer. Estou vivendo o dia a dia da novela. Estou feliz!”, relatou o eterno galã.

Fábio Assunção dá trabalho à Globo e autores precisam eliminar cenas do ator em Totalmente Demais

Confira o papo:


Como é sair de Tapas e Beijos e entrar logo em Totalmente Demais?

“É divertido! É uma boa herança. Porque no ‘Tapas’ eu aprendi muito com aquele elenco. A jogar em cena. Era muito improviso e muita coisa que pintava na hora. Eu acho que eu estou usando principalmente com a Juliana Paes. Na trama, ela e eu formamos um casal, que queremos colocar um pouco de humor ali. Enfim, achei muito bacana essa transição. Eu acho ‘Totalmente Demais’ uma novela divertida, leve e muito linda. Então, acho que eu continuo em uma vibração boa. De ‘Tapas’ para essa novela.”

Os autores revelaram que esse casal interpretado por vocês tem uma pegada mais cômica. Você sente isso quando você lê?

“Não sei se é a parte mais engraçada assim. Mas, a gente está colocando uma dose de humor sim. Eles são um casal que se provoca muito. Eu acho que pode render muita situação divertida. A gente está buscando esse caminho. Um caminho deles se quererem, de se desejarem. Mas, eles estão no mundo de hoje. Não querem casar. Talvez ela queira, ele não. A gente está trilhando ainda o caminho deles. Começo de novela a gente vai trilhando. A ideia é a gente buscar um pouco de humor.”

Que visão você tem do personagem?

“Cara, tem um lado leve, divertido. Um cara que tem uma vida incrível. Mas, acho que ele tem um outro lado também. Ele tem uma filha de doze anos, que ele tem dificuldade com ela. Eles não se acharam ainda. Eu acho que isso vai ser legal para ver uma transformação nele durante a trama. Não teria muita graça ele começar numa boa e terminar numa boa. Eu acho que a filha dele vai ser importante para a transformação dele. Vai ser legal. A atriz que interpreta a minha filha é excelente! O nome dela é Giovanna Rispoli).”

Ele e a Carolina tiveram um caso de amor no passado e ela vai entrar em uma fase de querer ter filhos. Você acha que seu personagem vai topar essa parada, ou o amor pela Eliza vai ser mais forte?

“Eu não sei se eu posso contar. Não sei o que eu posso falar. Se eu falar tudo, nem vou precisar gravar a novela (risos). Tem um lance que ele da uma enganada nela. Entendeu? Ficou péssimo! (risos). Deixa eu tentar resolver. Eu não posso falar isso. Queria muito revelar. Ele não se importa dela ficar tentando. Mais ou menos isso. Ele está se divertindo um pouco. Entendeu?”

Como está sendo ser disputado pelas mulheres aos 44 anos?

“Eu acho uma idade ótima. É uma idade de maturidade. Eu acho ótimo! Sinto que está bem inserido ele com a Carolina (Juliana Paes). Tem tudo haver.”

Você acha que o envolvimento dele com a personagem da Marina Ruy Barbosa irá pesar? Devido à diferença de idades?

“Ele começa a relação com a Eliza diferente. Ele está preparando ela para ser uma modelo. Que vai acontecer. Esse envolvimento irá rolar. Mas, a gente não sabe ainda como vai ser. Eu não sei. Essas coisas de diferença de idade hoje em dia não sei se pesa muito. Assim, não sei. Mas, não sei o que será escrito. Tem que ver para onde os autores irão conduzir os personagens.”

São sete anos longe de novelas. O que mais você sentia falta dessa rotina?

“Na verdade, eu sempre trabalhei muito. O ‘Tapas’ tinha a rotina dele. O que foi legal no ‘Tapas’, é que todo mundo ali pode fazer projetos paralelos. Durante o período do seriado, eu montei três peças, tenho uma produtora, fiz um filme. Todo mundo do elenco pode ter os seus projetos pessoais. A gente sabe que novela tira muito esse tempo de fazer essas coisas. Mas, eu estou muito integro nessa novela. Estou com muito prazer em fazer. Estou vivendo o dia a dia da novela. Estou feliz! A gente teve uma preparação de um mês e meio. E, foi incrível! Isso uniu muito o elenco. Tem várias gerações nesse elenco. Eu acho que tem muita gente vindo com muita força. Com vontade de fazer o melhor. Então, essa troca está sendo incrível.”

Por que aceitou o Totalmente Demais?

“Eu tinha um compromisso com o Mauricio Farias de fazer o Tapas e Beijos. Ninguém saiu antes de terminar o seriado. O ‘Tapas’ não era um buraco para o elenco. Tipo, estou de bobeira e vou fazer o ‘Tapas’. Entendeu? Era um elenco que precisava muito da gente. Principalmente da Andrea e da Nanda. E, de certa forma eu e o Vladimir Brichta formava com eles aquele quadrilátero ali, entendeu? Então, a gente foi até o fim. É a mesma coisa aqui comigo. Teve um acordo para eu ser liberado a tempo de eu fazer a novela. Assim, como aconteceu com o Otávio Müller, que foi para A Regra do Jogo. É isso.”

Você já conhecia a Austrália?

“Não! Gostei muito da experiência. Austrália é um lugar incrível! Essa viagem aumentou o nível da novela. As imagens que foram feitas lá, ficaram incríveis. Foram dezesseis dias de viagem. Para gravar oito.”

Qual é o segredo de há vinte anos, você ser o galã?

“Olha, isso é um elogio. Obrigado! Eu não sei. Eu amo o meu trabalho. Amo o que eu faço. O resto é consequência disso. Eu não faço um trabalho pensando se é um galã, ou um vilão. Eu faço realmente porque eu tenho prazer em trabalhar.”

Conte-nos um pouco do Arthur?

“É um cara que tem um vidão. Ele tem várias frentes. Ele tem um lado bon vivant. Ele gosta de carro, esporte radical, etc. Ele gosta de competição. Ele é bom no que faz. Ele é bem competitivo.”

Você continua namorando a atriz Carol Macedo?

“A gente não está mais namorando. Hoje eu estou solteiro. Eu tive um início de relacionamento. Ela é uma pessoa incrível, espetacular. É isso. Hoje em dia tudo acontece de uma forma muita rápida.”

Ele é bem invejado pelos homens?

“Sim! Porque é um cara que tem uma vida muito prazerosa. Muito ligada à saúde, tem um relacionamento com a personagem da Juliana Paes, de mais de dez anos. É um relacionamento que eles ficam, mais não ficam. Entendeu? Eles se provocam. Tem o código deles. Jogos deles. Eles estão sempre se desafiando.”

O que você aprendeu no Tapas e Beijos?

“A experiência que eu tive no ‘Tapas’, eu vou levar para a minha vida. Não tem como voltar atrás. Tudo o que eu aprendi lá, não tem como eu deixar isso guardado. Eu somo isso hoje. Foram cinco temporadas que eu aprendi muito.”

A trama fala muito de moda. Você curte moda?

“Eu não costumo acompanhar moda. Eu gosto de uma moda moderada. Tem até uns desfiles que eu gosto. Muito moderno de mais assim, eu me perco um pouco nas tendências. Mas, tem desfiles que são lindos. Eu não sou um cara da moda. Não me entreviste sobre isso, que a entrevista não vai render (risos). A gente pode falar que o Corinthians está em primeiro no Brasileirão (risos).”

Você atuou ao lado de seu filho em filme que será lançado no ano que vem. Como foi essa experiência?

“A gente tem um filme que está pronto já. Deve ser lançado no ano que vem. Foi incrível! Ele tirou de letra. Ele foi ótimo. É uma sensação inexplicável.”

CONFIRA A COLUNA COMPLETA DO ANDRÉ ROMANO

André RomanoPor André Romano
Contato: andreromanoo@gmail.com
Facebook: www.facebook.com/andre.romano.524
Twitter: twitter.com/romanoandre