James Akel: A culpa nem é de Gugu


Gugu-Wanessa

Não devemos pisar em cima da derrota de Gugu no ibope. Gugu por si nada tem de culpa nisto. Devemos esperar que Gugu alterne ibope com Ratinho pra que o mercado de trabalho aberto continue a gerar empregos. São mais de 60 famílias que dependem do programa do Gugu que não pode sair do ar porque perde do Ratinho ou coisa parecida. Quem acompanha esta coluna já leu faz tempo tudo que iria acontecer.

Mas Gugu tem que ser preservado como produto televisivo possível de ser bem vendido e gerar empregos. Volto a escrever que prefiro um péssimo programa do Gugu no ar gerando empregos pra brasileiros do que um filme que paga ao estrangeiro.


Gugu nada tem de culpado pelo ibope ou pelo conteúdo do programa. Gugu é o que é e o conteúdo do programa depende da direção que no caso é pra lá de péssima. O diretor do programa do Gugu já tinha feitos péssimos programas à tarde na TV Record e de manhã também.

Escalar esta pessoa pra dirigir o programa do Gugu foi de infelicidade grande só entendida porque quem o escalou pouco entende de tv aberta. É uma coleção de pessoas que nada entendem do ramo de tv aberta fazendo bobagem e usando o nome de Gugu pra apresentar estas bobagens.

Sempre escrevi aqui que o programa de Gugu não teria conteúdo. Se escrevi é porque eu sabia que quem iria dirigir o programa iria fazer estas bobagens todas. Não se trata de dizer “eu falei”. Trata-se de saber o que vai acontecer baseado no perfil de cada um que iria mandar no programa.

Nem Homero Sales, nem Vildomar Batista e menos ainda Paulo Franco tem conhecimento pra fazer um bom programa do Gugu. Quando vi todos eles comemorando o ibope do primeiro programa eu dei bastante risada.

Estavam comemorando acreditando que tinham feito um bom programa por desconhecerem o ramo da tv aberta. A única coisa que foi boa e que deu grande ibope foi a entrevista de Suzane Richthofen. Quem traz no primeiro programa a matadora dos pais, no mínimo que se espera é que traga no outro programa o matador da namorada e no outro a esquartejadora de marido. Nem pra fazer isto eles sabem.

A sanha do povo que deu ibope no primeiro programa foi frustrada no outro e por isto a derrota de Gugu foi acachapante. E olha que Ratinho não fez nada demais da conta. Apenas foi Ratinho arroz com feijão e nada mais. Imagine se Ratinho tivesse um bom conteúdo.

Ratinho também não tem bom conteúdo e deixa muito a desejar pelo potencial que tem e que deveria exercer. Mas a presença de Ratinho no palco já dá ibope porque Ratinho tem um carisma que Gugu não tem.

O dia que trouxerem de novo um grande matador no programa do Gugu ele vai ter ibope de novo. Enquanto isto vai ser o mesmo Gugu de sempre.

Por James Akel
www.facebook.com/jamesakel

*As opiniões expressas nesta coluna são de total responsabilidade de seu idealizador.