Coluna do Dadá | Datena manda indireta no ar

Datena
Datena apresenta o Brasil Urgente (Reprodução)

Na segunda (9), Datena saiu do palco e foi para o link, deixando em seu lugar Márcio Campos. Este, sempre beato, foi logo avisando que estava no lugar do dono do programa “temporariamente”.

Do link, Datena respondeu. “Não, você pode ficar o tempo que quiser. Você é irmão. Mas tem gente que quando entra não quer sair”. Marcinho sorriu em forma de oração.

A pergunta que não quer calar: a quem Datena estava se referindo? Será que a alguém que já está na casa, Luiz Bacci?


Que graça, Luizinho andou publicando foto em ritmo de copa. Queria ver ele fazer isso na Record. A bisparada até se arrepia quando falam em copa do mundo no ar. Mas ele saiu e liberou o espírito esportista, não é mesmo? Só tá dando ele, viu.

Ai Datena, fala quem é o usurpador…

Bispo Edir Macedo

Jejum da Record está a mil

Parece profecia, mas desde que Edirzinho mandou todo mundo fazer jejum de TV na Copa, a audiência da Record caiu. Pior, gente mais antenada que eu canta que, após o último jejum, em 2012, houve demissão em massa na Record. Não vou falar mais nada.

O feio é que a Record faz como quem critica a festa para a qual não foi convidado. A festa, no caso, é a Copa, que é da Globo. Só que as outras emissoras não entraram nessa e foram na onda “do Brasil Hexa”, afinal, tem outro jeito? Na cabeça de Edir Macedo sim: boicotando. Mas boicotar o quê? Que essa copa está bichada e superfaturada todo mundo sabe. Só que tem gente já seguindo à risca o conselho do pastor e não está vendo nem a Record. E pronto.

Mas a Record está ressentida desde quando Russomano, o preferido das pesquisas para prefeito, não chegou nem ao segundo turno das eleições , quando todo mundo ficou sabendo que ele era pau mandado dos bispos para salvar as finanças da Record.  Paaaaaaaaaaaaaaa, outro corte violento na emissora.

Não contente, a Record continuou fazendo política, ao enfiar o mesmo Russomano naquele Programa da Tarde. Agora estão esperando o quê, ver quem vai para o segundo turno e ofereça mais pelo passe do “defensor do consumidor”? Estou quase dizendo que vão fazer um outro boicote,  novamente contra Russinho. Que graça.

Reinaldo Gottino

Gottino salva os jornais da manhã

Gente, comparando os telejornais regionais da manhã cheguei à conclusão de que Bocardi, da Globo, parece estar perdido em um desfile de ternos finos. Fala sem sentir, quando tenta ser popular, soa falso e parece estar à procura de uma identidade. Ai que situação. É uma sensação tão constrangedora para o telespectador que nem te conto, viu. Não é à toa que ele ganhou o apelido de “boneco do Mappin”. Ai, cadê a Carla Vilhena, hein?

Na Band, o Café com Jornal é bonzinho, mas parece despreparado para eventos importantes como a greve dos metroviários. Não chega a ser uma “passarela” como o Bom Dia São Paulo, mas falta alguma coisa.

No SBT, César Filho está lá, com sua calça jeans. Esse nem deixaram entrar na “passarela”. E pronto.

Quem se sai melhor é o Gottino, que só a Record ainda não percebeu o seu valor. Aliás, quando o tema é factual, talvez pela insistência e repetição (que também às vezes cansa), ninguém pega a Record. Tem link em tudo quanto é lugar, apura em detalhes dos apuros de quem precisa do Metrô e desce a lenha na ala sabotadora dos metroviários. Sem dó. Como eu já trabalhei no Metrô, sei muito bem como funcionam as coisas por lá. Só vou dizer isso.

Coluna do Dadá

*As opiniões expressas nesta coluna são de total responsabilidade de seu idealizador.