Cris (Vitoria Strada) de Espelho da Vida
Cris (Vitória Strada) de Espelho da Vida (Divulgação/TV Globo)

Em Espelho da Vida, na Globo, Cris (Vitória Strada) encontrará uma página do diário de Júlia e se emocionará. Ali entenderá que a moça do século passado teve um filho com Danilo (Rafael Cardoso). Quem armou para a protagonista achar o texto foi Isabel (Alinne Moraes). Alain (João Vicente de Castro), no entanto, tentará explicar para a amada que isso não pode ser possível. Confira.

“A Julia teve um filho, Alain! Então é verdade. Eu sonhei com isso uma vez!”, reagirá Cris, muito emocionada. Na sequência, Alain argumentará que Júlia morreu antes de dar à luz. Foi morta por Danilo. No entanto, a protagonista não acredita mais nessa versão e se mostrará ainda mais impactada pela notícia.

Veja também: Grace invade casarão de Júlia e pergunta sobre portal a Guardiã, em Espelho da Vida, na Globo

“É a letra da Julia, eu conheço bem o jeito que ela escreve! Julia e Danilo ficaram juntos depois da briga… Ela descobriu que ele era inocente!”, falará Cris. “Mas Danilo acabou matando Julia! Essa criança não nasceu!”, insistirá Alain, sem sucesso.

Ainda em Espelho da Vida

Em Espelho da Vida, aos poucos Cris, na pele de Júlia, começa a conhecer melhor seu pai Eugênio (Felipe Camargo). Ela descobrirá, por meio de Maristela (Letícia Persiles) que seu pai não vale nada. Até esse momento, a protagonista acredita que a morena tem um caso com Danilo. Em determinado momento da cena, a mocinha ouvirá da rival, mãe de Henrique (Otávio Martins): “Você é ingênua ou burra, menina?”.

Além disso, o papo vai ser tenso, já que Júlia terá acreditado em Gustavo Bruno, que inventou que Danilo foi embora para Paris, por causa das ameaças do coronel. “Desculpe chegar assim, mas preciso muito falar com a senhora sobre Danilo Breton”, dirá Júlia. “Algum parentesco com Eugênio Castelo?”, perguntará Maristela. “Ele é meu pai”, responderá. “Então é você a Julia”. “Deve conhecer meu pai também. Uma vez achei uma mensagem sua para ele. Você estava doente, é isso?”, perguntará a mocinha, sem desconfiar que ambos são amantes, na verdade.

“Ele não costuma ajudar as pessoas”, responderá Maristela. O coronel Eugênio é pai do meu filho, moça. O pobre do Henrique é seu irmão”, revelará a morena. Júlia ficará atônita, sem saber o que fazer e Maristela concluirá: “Seu queixo vai cair, melhor fechar a boca. Eugênio é um canalha. Tem essa pose de pai de família, de grande provedor, mas não passa de um canalha”.