Adriana (Julia Dalavia) e Elizabeth (Gloria Pires) de O Outro Lado do Paraiso
Adriana (Julia Dalavia) e Elizabeth (Gloria Pires) de O Outro Lado do Paraíso (Divulgação/TV Globo)

A única maneira de salvar a vida de Adriana (Julia Dalávia) é um transplante de rim. E Beth (Glória Pires) vai ficar feliz quando souber que é compatível para doar o órgão para a filha. Mas a alegria da mulher vai doar pouco em O Outro Lado do Paraíso. Ela vai descobrir que por conta da bebida, seu fígado está comprometido e ela não pode ser doadora.

Beth vai fazer todos os exames e quando vai buscar os resultados tem uma surpresa. “Doutor Aguiar (ator não divulgado), já realizei todos os exames que me pediu. Sei que estou bem. Sou compatível. Vamos marcar o transplante?”, sugere. “A senhora teve problemas cardíacos”, diz o médico. “Foi a emoção, durante meu julgamento”, lembra. “Mas os problemas foram reais. Vi na sua ficha. Mesmo assim, dada a urgência da situação, com um bom anestesista e monitoramento excelente, eu me arriscaria”, diz.

Beth começa a ficar nervosa. “Então, qual o problema?”, pergunta. “ Surgiu uma situação. O doutor Lélio (ator não divulgado) vai explicar melhor”, avisa. “Uma situação?”, espanta-se a mulher. “O exame de sangue acusou níveis irregulares de ureia e creatinina”, diz o hepatologista. “Como assim? Mas eu sou compatível. É de minha filha que se trata!”, questiona.

O Outro Lado do Paraíso: Diego confirma para Nádia que não dormiu com Melissa: “É pura demais”

O hepatologista vai dar a notícia que vai arrasar Beth. “Infelizmente a senhora não pode doar seu rim”, afirma. “Eu não entendo…meus exames…afinal, o que esses resultados querem dizer?”, pergunta. “Apesar de compatível, nós verificamos alterações no seu fígado. Alterações que impedem a senhora de ser doadora. Dona Elizabeth, a senhora bebe!”, afirma o hepatologista.