Chandelly Braz
Chandelly Braz (Divulgação)

Logo nas primeiras cenas do primeiro capítulo de O Outro Lado do Paraíso, nesta segunda-feira (23), Aline (Chandelly Braz) será violentada pelo marido Gael (Sérgio Guizé). Na sequência de agressão, a personagem grita e sai correndo desesperada de casa com o vestido rasgado, tentando fugir do agressor.

Mas a situação fica ainda pior quando ao atravessar uma avenida correndo sem rumo, apenas tentando ficar o mais longe possível do marido, Aline é atropelada por um carro e vai para no hospital.

Logo depois, Gael segue desesperado para a casa da mãe, Sophia (Marieta Severo), pedindo ajuda para se livrar da possível acusação de agressão que ele viria sofrer da esposa.

Veja também: Chandelly Braz fará participação especial no primeiro capítulo de O Outro Lado do Paraíso

“Perdi a cabeça, mãe. Não sei como aconteceu, não sei. Mas ela me trai. Eu descobri que ela me trai, eu não suportei. Fiquei fora de mim. Mãe, me ajuda, isso nunca mais vai acontecer. Nunca”, diz Gael para mãe, tentando justificar sua atitude.

Sophia é dura com o filho: “Você está encrencado, Gael. Encrencado. Que vamos fazer agora? Por que não sentou, teve uma boa conversa? Agiu civilizadamente?”

Ele rebate dizendo que Aline não era fiel: “Eu fui traído. Eu saí de mim! Eu juro, nunca mais vai acontecer.”

Enquanto conversam, o telefone toca para informar que Aline está internada após ser atropelada (Gael ainda não sabia do acidente, apenas achava que a esposa tinha fugido para denunciá-lo). Ao receber a ligação, Sophia vê no acidente da nora a oportunidade dele se livrar da queixa de agressão.

“Ela não fez nada contra você. Foi atropelada. Vão achar que os machucados são por conta do atropelamento”, acredita a vilã.

Gael se mostra preocupado com Aline: “Mas a Aline tá bem?”. Sem demonstrar compaixão por Aline, Sophia só se preocupa em livrar a pele do filho e responde: “Viva. Bem cuidada no hospital. Você vai sair dessa. Deixa tudo comigo. Eu resolvo.”