BBB 16 | Laércio nega ser pedófilo e dispara: “Para um beijo na boca não vou pedir carteira de identidade”

BBB 16 Laércio nega ser pedófilo e dispara Para um beijo na boca não vou pedir carteira de identidade

Eliminado no paredão desta terça-feira (02) no Big Brother Brasil após ter sido acusado de ser pedófilo por Ana Paula, que disputou a preferência do público, Laércio comentou o assunto em conversa com jornalistas.

“Ela me acusou de ser algo que considero abominável. Depois disse que não sabia o que era, mas não acredito. Ela tem 34 anos, é formada em jornalismo, é inteligente. Ela quis causar e conseguiu, o objetivo foi alcançado. Banquei o ingênuo, mas não me arrependo de nada”, disse ele.

Laércio afirmou que não pede RG para beijar: “Eu sou muito na minha, na balada eu vou para beber e olhar as pessoas. Ao mesmo tempo, sou assediado, as meninas querem pegar na minha barba, elas pegam no meu peito. Mas para um beijo na boca não vou pedir carteira de identidade”.


INDIRETA?! Global, Marcelo Adnet dispara: “Não podemos estar separados por empresas” 

O ex-participante também destacou que algumas mulheres são mais abusadas, mas revelou que não é “burro”. “Talvez eu chame atenção por ser mais velho, para elas é uma conquista. Minha convivência é com pessoas mais jovens. Amizade, sem sexo ou amasso. Às vezes a menina vai botando a mão na sua calça. Eu sou ciente da minha responsabilidade. Tenho a consciência tranquila, não respondo a processo nem tenho nenhuma denúncia. Posso ser louco, mas não sou burro”, argumentou.