BBB 16 | Programa é acusado de racismo

Boneco esponja racismo BBB 16

O Big Brother Brasil 16 mal estreou e as polêmicas já começaram nas redes sociais. O primeiro caso que está dando o que falar faz parte da nova decoração da casa. Um utensílio que faz parte da cozinha gerou repercussão por ser considerado racista por boa parte do público.

SAIBA TUDO SOBRE O BBB 16

O objeto em questão é um boneco-esponja negro com cabelo black power, com roupa no estilo anos 1970. O cabelo do boneco é usado como limpador de pratos, uma alusão ao termo ofensivo e preconceituoso ‘cabelo esponja de aço’ e afins.


O boneco foi lançado pela empresa britânica Paladone em 2012, e é considerado racista desde então. No Reino Unido, o lançamento provocou uma profunda discussão sobre a maneira como o negro é visto diante da sociedade.

Como de costume, o BBB 16 também conta com participantes negros, Adélia, de 36 anos, e Ronan, de 29. A Globo não quis se posicionar sobre a acusação até o momento da publicação desta reportagem.