Big Brother Brasil 15 estreia com mudanças e a pior audência da história do reality


O Big Brother Brasil 15 estreou na noite desta terça-feira (20) a todo vapor. Diferentes das últimas edições que estavam arrastadas e cansativas, este ano o programa promete agilidade e mostrou isso logo no primeiro dia.

Antes de apresentar os integrantes da décima quinta edição, O reality show mostrou como foram as seletivas feitas em 11 estados do Brasil. Depois os treze participantes do BBB 15 foram devidamente apresentados, contando um pouco da história de cada um. Já deu para perceber que o elenco foi escolhido a dedo, para causar dentro da casa.

Os esteriótipos seguem os mesmos das demais edições, a maioria gente bonita, sarada e jovem. Tem o caipira, o intelectual, a gostosona, a batalhadora, o humilde, o problemático e outros.


O Big Brother Brasil 15 vem com mudanças para dar um gás no programa. Duas sisters chegam na casa nesta quarta-feira (21) para disputarem a décima quarta vaga no domingo (25).

A liderança também vem com mudanças, o líder vai poder participar semanalmente da prova e pode conseguir o posto consecutivas vezes. Porém, o líder não será imune, ele poderá ser indicado e sair do programa. Ele só será imune se receber o presente do anjo. Cada vez que for líder, o participante recebe R$ 10 mil.

Com o Poder do Não o líder poderá vetar adversários em provas. O Big Fone tocará até duas vezes por semana e a Prova da Comida também terá novidades.

Os 13 participante do BBB 15 entrarm na casa diferentes das outras edições. Eles foram colocados no jardim da mansão em tubos, sem poder ver um ao outro. Depois eles foram divididos em dois grupos, Tá Com Tudo (Angélica, Douglas, Francieli, Fernando, Luan, Talita e Tamires) e Tá Com Nada (Adrilles, Amanda, Cézar, Mariza, Marco e Rafael).

Outra mudança perceptível no Big Brother Brasil 15 foi o belo cenário, tanto do palco quanto da casa, que na décima quarta edição deixou a desejar. Pedro Bial continua o mesmo, falando e filosofando como sempre.

A audiência não foi das melhores, pelo contrário, foi a pior estreia de um BBB. O programa entrou no ar às 22h20, quando o placar do Ibope marcava 34 pontos, mas logo nos primeiros minutos do reality o número caiu para 26.

A estreia do BBB 15 marcou média de 24 pontos, 38 % de participação (share), esses números indicam a menor audiência já registrada pelo reality. Até então a pior estreia pertencia ao BBB 13, com 25 pontos. No ano passado, o BBB 14 iniciou sua trajetória com média de 30 pontos.

Em segundo lugar ficou o SBT com 8 pontos e, em terceiro, a Record com 6.

Apesar da baixa audiência, que reflete uma tendência geral da TV aberta, o BBB 15 teve grande repercussão nas redes sociais, ficando entre os assuntos mais comentados pelos internautas.