Jerônimo (Jesuíta Barbosa) e João Guerreiro (Rafael Vitti) em Verão 90
Jerônimo (Jesuíta Barbosa) e João Guerreiro (Rafael Vitti) em Verão 90 (Divulgação/ TV Globo)

A audiência da primeira semana de Verão 90 não é animadora. A média marcada pela nova novela das sete da Globo está abaixo das tramas antecessoras, conforme destaca a colunista Patrícia Kogut.

De acordo com os dados consolidados, os primeiros sete capítulos de Verão 90 tiveram uma média de 22 pontos na Grande São Paulo – cada ponto equivale a 72 mil domicílios na região. O número, embora esteja dentro dos padrões da emissora, preocupa por estar abaixo das últimas novelas exibidas no horário.

Leia mais: #TBTdaTelevisão: As novelas de 1990, no embalo de Verão 90

No mesmo período, O Tempo não Para marcou 29 pontos em São Paulo. Já a medieval Deus Salve o Rei cravou 26 pontos. Na avaliação do Rio de Janeiro, as médias são maiores, com a última novela das sete passando dos 30 pontos.

Embora tenha sido divulgada com um foco inovador, ou seja, o destaque para a badalada década de 1990, a história de Verão 90 não apresenta nenhuma novidade. Vários críticos já avaliaram a trama como “mais do mesmo”. Por outro lado, é sempre bom destacar que o horário de verão sempre afeta o ibope das atrações que vão ao ar no início da noite.

Reviravolta em Verão 90

Todavia, uma grande reviravolta acontecerá nos próximos capítulos da novela Verão 90. Uma armação de Jerônimo (Jesuíta Barbosa) colocará João (Rafael Vitti) na cadeia. O radialista será incriminado pela morte de Nicole (Bárbara França), que será empurrada de um deck pelo amante, Quinzinho (Caio Paduan).

Em uma briga da VJ com Quinzinho, ela se desequilibrará e cairá em um penhasco, em cima de uma pedra. João, que momento antes tinha brigado com seu irmão, Jerônimo, após o desmascarar, estará desacordado, na mesma pedra que estará o corpo de Nicole.

Nesse momento, ele (João) será colocado na cena do crime ao lado de Nicole e será acusado pelo crime por Vanessa (Camila Queiroz), cúmplice de Jerônimo – Rojê. A ideia de incriminar João partirá de Jerônimo, o seu irmão.

Leia mais: Verão 90: Jerônimo forja sequestro para salvar a pele de Quinzinho

“Agora me escuta! Eu e meu irmão, a gente saiu na porrada. Ele caiu, bateu a cabeça e tá lá apagadão. Ninguém viu nada! Vamos pegar ele e colocar do lado da Nicole. Aí é só falar que eles saíram no tapa e que caíram na briga. Pronto! Você se livra e o João que vai pagar essa conta”, dirá Jerônimo para Quinzinho.

De início, Quinzinho não aceitará incriminar um inocente. “Eu não vou fazer isso! Foi um acidente. Eu não tive culpa! Vou ligar pra minha mãe”, dirá o filho de Quinzão (Alexandre Borges), cheio de medo.

Últimos vídeos do Canal no YouTube