Ricardo Montana (Sergio Marone) de Apocalipse
Ricardo Montana (Sergio Marone) de Apocalipse (Reprodução/Record)

Continuando sua tendência de queda, a novela Apocalipse, da Record, teve seu recorde negativo de audiência semanal no período de Ano Novo, entre 25 e 29 de dezembro.

Segundo dados consolidados da Grande São Paulo, o folhetim protagonizado por Sérgio Marone, Igor Rickli e Juliana Knust marcou 6,0 pontos de audiência, sua menor semanal desde a estreia, em novembro.

Veja mais: Na melhor cidade em Ibope da Record, Apocalipse não fica nem entre as 10 maiores audiências

Na sexta (29), o folhetim marcou sua recorde negativo, com o capítulo deste dia marcando apenas 5 pontos de média – mesmo número obtido por Apocalipse também nesta segunda (1).

Desde sua estreia, Apocalipse já perdeu mais de dois em cada dez telespectadores de sua antecessora, O Rico e Lázaro. Mais do que a perda de audiência, a RecordTV perdeu sua vice-liderança na faixa das 20h45.

A concorrente Carinha de Anjo, do SBT, no período em que Apocalipse está no ar – desde 21 de novembro até 26 de dezembro – tem média de 10,3 pontos de Ibope na Grande São Paulo. O número é até um pouco abaixo do Ibope geral da novela, que está na casa dos 10,5 pontos.

Apocalipse tem previsão de ficar no ar até julho, com 170 capítulos, mas caindo nos números semana após semana, deverá ser encurtada pela emissora muito em breve.

Os dados são consolidados e refletem a preferência de um seleto grupo de telespectadores na Grande São Paulo.