Record e SBT se destacam em audiência na cobertura do impeachment de Dilma Rousseff

SBT e Record fizeram cobertura do impeachment de Dilma Rousseff
SBT e Record (Reprodução)

A equipe de jornalismo da Record realizou uma grande cobertura da decisão sobre o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff na tarde desta quarta-feira (31). Na faixa das 13h18 às 14h16, a emissora consolidou a vice-liderança isolada com média de 9 pontos, pico de 10 pontos e share de 17%.

A emissora também exibiu o pronunciamento do novo presidente da República, Michel Temer, de 20h às 20h05, e também consolidou o segundo lugar absoluto com 11 pontos de média, pico de 11 pontos e share de 15%.

Já o SBT, que dedicou menos tempo à cobertura, venceu o Plantão Jornalístico da Record no curto período em que foi ao ar à tarde.


Das 16h43 às 16h52, a atração da emissora de Silvio Santos marcou 9 pontos de média, 16,2% de share e 9,4 pontos de pico.

Na mesma faixa horária, a Record marcou 4,9 pontos de média.