Erick Ricarte e Sabrina Paiva (Foto: Reprodução/ Record TV/ Instagram)

Erick Ricarte, fofoqueiro do quadro A Hora da Venenosa do Balanço Geral de Sergipe, da TV Atalaia, afiliada da Record TV, recorreu às redes sociais para se retratar publicamente após acusar Sabrina Paiva de mentir sobre caso de racismo em A Fazenda 11. A família da participante do confinamento rural exigiu que Ricarte se retratasse publicamente. 

O fofoqueiro da Record publicou o vídeo do momento em que Sabrina descobre que foi vítima de racismo e pediu desculpas após afirmar: “Ela ta inventando! Não da pra ouvir! Gente, isso não ocorreu. Está inventando para denegrir a imagem da produção!”.

Por meio de uma nota de retratação, Erick Ricarte se diz arrependido por suas palavras e afirma que condena o racismo. “Eu Erick Ricarte, venho a público pedir desculpas e prestar solidariedade a @sabrinapaivaofc aos fãs, familiares e amigos por achar que o fato não teria acontecido. Realmente ela foi vítima de um crime, no primeiro momento eu não ouvi. Ela foi vítima de um crime. Eu como ser humano jamais imaginaria que alguém pudesse em pleno século XXI ofender alguém com o racismo. Realmente o preconceito existe, o racismo tbm! Uma pena eu viver numa sociedade doente que usa ódio, raiva e rancor como arma. Então mais uma vez peço desculpa por todo ocorrido e mau estar. Sou contra qualquer tipo de crime que ofende o ser humano”.

Atualização: Erick Ricarte conversou com a família de Sabrina Paiva após o episódio em que disse que a ex-miss estaria mentindo, e atribuiu sua fala ao fato de não ter entendido o áudio vazado no reality da Record. O fofoqueiro do Balanço Geral pediu desculpas novamente à família da participante durante a conversa, pedido esse que foi aceito.

Ao Observatório da Televisão, Erick mostrou a conversa na íntegra. Em um trecho, o representante da família da participante de A Fazenda pediu mais atenção do fofoqueiro antes de comentar algo. “Obrigado [por ter se retratado publicamente]. Nós também abominamos [racismo], e não estamos te criticando, apenas queremos que a verdade seja dita e que as pessoas não pensem que é vitimismo. Mas uma vez, obrigado pelo seu posicionamento. Espero que você ouça melhor os vídeos, todo mundo ouviu. Estamos na luta por ela e por todos que sofrem diariamente com qualquer tipo de discriminação”.

A Record TV enviou um comunicado à imprensa informando que o agressor de Sabrina, um operador de câmera, foi demitido da emissora. “A Record TV repudia veementemente esta atitude e qualquer tipo de preconceito. Como se trata de ofensa racial, será informado à participante Sabrina Paiva que a ela será dado o direito de fazer a representação legal ao ofensor, se assim quiser e no momento que desejar.

A Record TV e a produtora Teleimage lamentam o fato e não admitem que algo dessa natureza aconteça em suas produções.”.

Confira mais informações, curiosidades, e tudo o que acontece em tempo real em A Fazenda.

Últimos vídeos do Canal no YouTube